Facebook

Como evitar processos trabalhistas relacionadas a Horas Extras

A falta de atenção ou falta de controle de horas extras está roubando o dinheiro do bolso de muitos empresários pelo Brasil a fora por conta de processos trabalhistas relacionados ao assunto, ainda mais agora com as MUDANÇAS NA CLT SOBRE HORAS EXTRAS.
 
Por isso criamos este conteúdo para ajudar você e sua empresa a evitar esse tipo de dor de cabeça.



QUAL É O CENÁRIO MAIS COMUM NESSA PARTE DE HORAS EXTRAS?
 
No intuito de produzir mais e vender mais, as empresas muitas vezes perdem o foco, pecando no quesito gerenciamento de pessoas, de modo que na maioria das vezes, minutos e horas de trabalho extra passam despercebidos, e consequentemente sem o devido controle.
 
Horas trabalhadas devem ser pagas! Em suma, este é o fato óbvio que está previsto na lei trabalhista. O problema é quando não existe um controle eficiente que indique O quanto se trabalhou e O quanto se deve pagar. No final deste artigo, disponibilizamos um Modelo de Controle de Horas que ajudará você a gerenciar melhor esta questão.



UMA HORA OU OUTRA O FUNCIONÁRIO SE SENTIRÁ PREJUDICADO


Muitos funcionários diante dessa falta de controle sentem-se inibidos de cobrar uma solução, talvez por receio de serem maus interpretados e assim acabar pondo em risco sua permanência na empresa. Contudo, isso não dura pra sempre! Com o tempo, as horas se acumulam e acabam gerando desconfortos que por fim serão resolvidos em processos judiciais.
 

A FALTA DE CONTROLE DE HORAS EXTRAS CUSTA QUANTO PARA O BOLSO DA EMPRESA?
 

Causas trabalhistas infelizmente fazem parte da realidade de alguns empresários. O TST (Tribunal Superior do Trabalho), recebeu só em 2016 3,9 milhões de processos. É um número alto que põe o Brasil no topo do ranking mundial.
 

Os custos para uma empresa são incalculáveis, pois cada caso é analisado de modo particular, gerando então valores diferentes de multa indenizatória. Mas fique atento, as histórias de empresas que fecharam as portas por conta do prejuízo resultante de causas trabalhistas consecutivas são verdadeiras.
 

COMO RESOLVER ESTE PROBLEMA E EVITAR CAUSAS TRABALHISTAS RELACIONADAS A HORAS EXTRAS?
 

Primeiramente, é importante você dominar as regras sobre horas extras previstas na CLT. Além disso, nós criamos uma planilha de controle de horas extras que pode ajudar você a ficar atento às horas trabalhadas por cada funcionário.  Dessa forma, ao identificar a quantidade de horas excedentes, você saberá exatamente o que deve ser pago a cada funcionário, além também de saber orientar cada um quanto a sua carga horária.



O ideal é que cada empresa tenha alguém focado no gerenciamento de pessoas, ou seja, alguém cuja função seja controlar o desempenho dos colaboradores em todos os âmbitos, só assim, a empresa terá um olhar mais atento e prudente, evitando assim prejuízos financeiros e mantendo a saúde do negócio.

22 de Fevereiro de 2018

Tags:

Orçamento por Telefone

Solicite nosso contato preenchendo o formulário abaixo:

Solicite uma demonstração

Solicite nosso contato preenchendo o formulário abaixo: